5/29/2007

À flor da pele

Sou a bailarina
das palavras adversas,
dos versos controversos.

Sou a que dança no fogo
secretamente, trazendo
luz às noites sem luar.

Sou o vento que balança
a folha solta, nos entremeios
tortuosos da trama que teço.

Sou a pena que conduz
a meia luz, letra à letra
em um íntimo bailado.

Sou a amante do verbo
adornado pela emoção,
pincelado por sentimento.

Sou a poesia cadente, livre
fluindo entre as linhas
em rimas de esquinas.

Sou a essência do sentir,
sensibilidade aflorada
em que não há fim.

(by Daniele)

25 comentários:

Vera disse...

Minha amiga mais doce e querida, como o teu poema está lindo!
Um poema que apetece ler e reler... É mágico mesmo, um dos mais belos que alguma vez li.
És mesmo um poço de sensibilidade, e poesia, de sentimento! És isso e muito mais, minha amiga!
Não imaginas a honra e o orgulho que tenho de te ter como amiga, sinceramente, por tudo o que tu és, por tudo o que transmites.
Quanto ao "Meme", parabéns, tu mereces mais que ninguém e obrigada por te teres lembrado de mim. Também um amigo (o Alexandre - do blog Fundamentalidades), me agraciou com a lembrança, mas por falta de tempo ainda não o coloquei no blog, mas ainda esta semana quero ver se arranjo um tempo para tratar de parte das coisas que tenho deixado para trás.

Um beijo enorme, com muito amor, carinho e saudades da tua amiga e fã que tanto te adora

Vera

mitro disse...

Já percebi, é a poesia!

Miosotis disse...

Minha querida Daniele,
está lindo esse teu poema.
Estou tão sensibilizada por tuas palavras...vc é bonita demais.
E certamente que aceitarei teu convite para o "meme"...É uma honra!
Espalho por aqui beijos perfumados de azul e mar...

littledragonblue disse...

Gostei do poema. Perabéns pela nomeação.
Um beijinho e votos de uma boa semana.

Hilda disse...

"A Flor da Pele" ... lindo, sensível, uma exposição do ser e da poetisa Daniele.

Um dos melhores Meme's que li e me sinto honrada por também recebê-lo.

Beijos e beijos...

Ricardo Rayol disse...

Minha dileta Dani, que intenso texto nos traz.

Tu és tudo isso sim, uma doce poesia murmurada ao vento calmo do fim de tarde.

Anônimo disse...

Dani

Sempre te disse que vc é a bailarina das palavras mais encantadora que conheço!
elisabete cunha

A.S. disse...

Obrigado pela tua gentileza Daniele. Foi a tua essência do sentir, a sensibilidade aflorada que em ti não tem fim!...


Um Beijo doce...

sonhadora disse...

Um mundo de sonhos com os pés assentes nas estrelas.
Beijinhos embrulhados em abraços

Farinho disse...

Queria Dani,

E como a sua rima é maravilhosa, a Dani é rima, dança, musica, amor, paz, carinho, folha ao vento e tudo o mais de belo que possa existir.


Beijinho doce em seu coração

Ana disse...

Que dança sublime.

Um beijinho.

Sheherazade disse...

Danilinda!
De todos os presentes de aniversário que recebí (é, meu bem, o meu níver foi ontem, 28/05), o teu foi o mais tocante. Afinal, não é todo mundo que se pode dar ao luxo de ser contemplada com tão belo "mimo", ainda mais da lavra de uma poetisa da tua monta. Valeu!
Brigaduuuuuuuuuuuuuuuuuu!!!

Beijos emocionados!

Renato TouzPin disse...

Gostei do blog. Vamos trocar links?? Pode adicionar o meu se quiser. Me confirme para que eu adicione o seu.

http://filhosdapoesia.blogspot.com

Abraços poéticos...

Guilherme disse...

Linda Dani bailariana, este seu poema é um dos mais lindos que já li. Tece com fidalguia palavras, versos, verbo, rimas com a sensibilidade sempre tão marcante em você.

beijos deste teu admirador.

Ora Anjo...Ora Lilith disse...

Sou como sua poesia...cadente,livre,fluindo por entre os poros do homem que adoro...beijos poéticos amiga.
Ando sem tempo de net por isso o sumiço...mas, sempre de olho em vc....rs...rs...

Fúria das Águas disse...

Minha querida amiga Dani, obrigada pela nomeação. Amei seu poema, vc tem esta sensibilidade maravilhosa em vc, coisas que poucas pessoas tem e vc é uma destas raras pessoas. MInha amiga querida continue a dançar em palavras tão belas.
UM beijo enorme
Furia

Mariliza Silva disse...

Minha bailarina de luzes que rodeam meu coração. Como é bom refrescar a mente no seu blog.

Saudades

Mari

Sheherazade disse...

Dani,
Isso só prova como a nossa sintonia é perfeita. Mesmo sem saber que era o meu níver, me fizeste essa surpresa maravilhosa.
Loviú de montão, visse?

Bjssssssssss

Marcelo disse...

Você é mesmo uma brilhamte poetisa.
Só quem ama (ou amou) intensamente saberia se traduzir de tal forma.
Gosto muito de seus textos, menininha.

Beijos carinhosos,

Tina disse...

Oi minha poetisa!

Adorei seus versos e suas indicações: sábias e excelentes! Sou fã de Saramar há tempos, bom que também gostes. E teus versos, me deixam sem palavras, como sempre. Lindos...

beijos querida,

PS: Vou lá visitar seus outros indicados.

Miosotis disse...

Muito obrigada pelas sua belíssimas palavras acerca dos meus escritos.
Você me mima demais!!!
Um dia desses eu vou acreditar em tudo isso que vc me diz. :)))
Olha minha amiga Daniele, eu ainda não esqueci do prometido "meme" que eu devo para vc....mas o diacho do tempo que não estica!!!!Mas eu prometo que assim que tiver um pouquinho de sossego, eu posto o "meme".
Deixo um beijo enorme em vc e o desejo de um excelente fim de semana.

Farinho disse...

passei para te desejar um raio de sol, neste dia em que todos os seres deviam de demonstrar o seu coração de criança, talvez assim alguns deixassem de ser tão egoistas e proporcionassem um mundo melhor para as nossas crianças que serão os adultos de amanã.

Beijoquinhas doces no seu coração

hilda disse...

Dani, minha amiga, vim pedir desculpas por não ter agradecido os elogios que me fez... sabe, elogios me deixam tímida, criam a dúvida se mereço e até me faz esquecer de agradecer... beijo e um grande abraço.

Saramar disse...

Querida, nem sei como agradecer este maravilhoso presente, por isso, só posso dizer, obrigada.
Um poema tão lindo que encerra em si outros tantos poemas, com tanta melodia a embalr os versos, é um presente dos céus.

beijos
P.S. Vou tentar.

DelfimPeixoto disse...

Adorei o poema... só tu mesmo ...
jnhs